Essa alteração na maioria das vezes acompanha a pessoa desde de muito cedo, porém não se manifesta ou leva-a a sentir desconforto mínimo o qual é tido como normal. Com o passar do tempo e o uso continuo da voz e de forma abusiva, essa patologia tende a dobrar de tamanho e causar impacto significativo…

Alterações de origem funcional sendo um espaço que permanece entre as pregas vocais, mesmo durante a fonação levando a pessoa a sentir perda de ar durante a fala, principalmente quando se vai iniciar uma conversação.

Os edemas relacionam-se com o uso da voz. Normalmente são localizados e agudos. O tratamento é medicamentoso ou através de repouso vocal. Os edemas generalizados e bilaterais representam a laringite crônica, denominada Edema de Reinke. É encontrada em pessoas expostas a fatores irritantes externos, especialmente o tabagismo (fumo) e o elitismo, sendo o mais importante fator associado ao uso…

São inflamações decorrentes de traumas mais profundos na mucosa das pregas vocais ou refluxo gastoesorfágico, seu tratamento na grande maioria é cirúrgico e a voz é de qualidade rouca – áspera. Patologia com maior índice em Homens pelo uso da voz em forte intensidade e gritos constantes.

Ocasionados pelo uso vocal abusivo e sempre associado a presença de fenda glótica do tipo ampulheta. Patologia com maior índice em mulheres, crianças ou homens com tessitura em voz cantada aguda ou com presença de muda vocal incompleta.

©2016 - otoclin | Desenvolvido por dreampixel com